quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Classificação

Com a experiência de 6 anos (quase 7) trabalhando na mesma área da construção civil, com o mesmo perfil de clientela, tem algumas coisas que eu só preciso de um primeiro contato com o cliente para ter a certeza do que vai acontecer no período entre fechamento de contrato e entrega das chaves do apartamento.
São algumas figurinhas carimbadas que se dividem basicamente em "6" classes:
- Classe 1: os clientes "gente-boa" - aqueles que compraram um apartamento com certo sacrifício, ou depois de muito economizar, não têm muita grana para personalização do apartamento, sabem disso, não querem parecer o contrário, solicitam modificações já sabendo se vão poder pagar ou não por elas, ou se não sabem, são honestos em perguntar pelo menos a média de preço, dependendo do valor eles nem pedem alteração de projeto e orçamento, nos poupando um trabalhão e sempre saem satisfeitos.
- Classe 2: os clientes da "ilha da fantasia" - estes vão financiar praticamente todo o apartamento, não tem grana para personalização, não sabem disso, ou se sabem, querem parecer justamente o contrário, pedem um milhão de modificações onerosas, querem trocar todos os acabamentos por acabamentos de padrão ou design SUPERIOR (e nem sabem o que é superior) perdem todos os prazos de personalização, alteram o projeto umas 10 vezes, me obrigando a fazer uns 10 orçamentos e desde o primeiro contato com eles eu posso apostar o meu filho, não, o filho não, mas posso apostar o meu marido como eles não vão aprovar NENHUM orçamento e o apartamento vai acabar ficando padrão depois de eu ter perdido horas, horas e mais horas trabalhando nos projetos e orçamentos que nunca serão aprovados. No final, eles saem insatisfeitos.
- Classe 3: os clientes "bam-bam-bam" - estes têm muita grana, sabem disso, mas não querem mostrar para vc que têm, modificam o apartamento todo, choram na hora de aprovar os orçamentos, mas aprovam, são objetivos (com exceções), e saem felizes e satisfeitos.
- Classe 4: os clientes "bam-bum-bum" - têm muita grana, sabem disso, fazem questão de que vc saiba também, pedem modificações impossíveis de serem realizadas, ficam possessos quando vc não aprova o projeto que o arquiteto estrelinha dele fez, vc faz malabarismos para conseguir viabilizar pelo menos parte do projeto de modificação, ouve grosserias (porque eles sempre são mal educados), ouve o preço que ele pagou no carro importado pelo menos umas 2 vezes por reunião, vc sabe que ele comprou o apartamento errado, pq ele precisava de duas vezes mais espaço, mais luxo, mais ostentação para ele poder mostrar para todo mundo que tem dinheiro, e como ele não vai conseguir isso tudo em um apartamento de 120m². vai sair insatisfeito SEMPRE.
- Classe 5: as clientes-arquitetas (sim, quase sempre são mulheres, os arquitetos homens normalmente tem um pouco mais de bom senso) - como são da área, querem modificar tudo, já vêm como projeto pronto, mas eu sempre tenho que refazer tudo porque o projeto nunca tem as informações necessárias para a execução, apenas para decoração. Elas especificam os acabamentos, fazem os quantitativos, compram todos os acabamentos e quando vc liga para dizer que faltou revestimento (pq a quantidade comprada não era suficiente nem para cobrir o piso, quanto mais para suprir os recortes necessários) elas ainda dizem assim "Mas não pode ter faltado, fui eu mesma que calculei"- Bingo! Parece que vc não sabe calcular, meu bem!
- Classe 6: e a pior de todas - os clientes-advogados - sobre esta classe eu prefiro não comentar! Vai que algum lê e resolve entrar com um processo contra mim.